A tampa do doce de mamão.

Me digam se, nessa vida, tem coisa mais sacana do que tampa de azeitona/palmito/doce de mamão lá de Goiânia? Vou te contar que, para bem além do simples trabalho de vedar o doce do ambiente (para nenhuma alma de força média conseguir abrir), esse tipo de tampa foi projetada especialmente para fazer nós, mulheres fracas e desprovidas de toda a quantidade de músculos preparados para trabalho braçal que os homens possuem, nos sentirmos a mosca que pousou no cocô do cavalo do bandido. Sério.

Eu já estou acostumada a perder a batalha para essa maldita. Na maior parte das vezes, a tampa do pote de azeitonas – adoro azeitonas! Tento abrir delicadamente. Nada. Forço mais. A tampa nem se mexe, nem sequer uma palavra amiga para fazer com que eu continue tentando! Coloco ela na mesa, a encaro, faço um jogo mental. Tento abrir de novo. Nada. Aí levo pro meu pai que, com um pouco de esforço, abre. Xingo a maldita tampa, pego minhas azeitonas e enfio o pote, rancorosa, de volta na geladeira. E juro vingança. O que quase nunca aconteceu. Até hoje, pelo menos (insira um MWAHAHA aqui).

Numa dessas aulas de cursinho da vida, enquanto estudava termodinâmica, o meu professor de física favorito ever me deu um BIZU, que agora compartilho com vocês, minhas queridas leitoras (e leitores que se perderam no caminho blogueiro e vieram parar aqui): COLOQUE A TAMPA NA ÁGUA QUENTE! Não sei por que nunca tinha pensando nisso, uma vez que é BEM óbvio. Afinal, o calor expande a tampa e ela abre com mais facilidade (desde que você coloque SÓ a tampa em contato com a água quente. Por que né? Se você colocar o pote todo, o vidro também vai expandir e aí o sofrimento vai ser o mesmo). Ok, na verdade eu sei: não sou uma pessoa óbvia, exatas nunca foi minha área e, na raiva, a única saída que eu via para comer minhas azeitonas era quebrando o maldito pote.

Porém, hoje, resolvi deixar a raiva um pouco de lado. Depois de fazer uma inocente tentativa com o pote de doce, resolvi partir para a ignorância: esquentei  um pouquinho de água numa panelinha e virei o pote de cabeça pra baixo, de forma que só a tampa entrava em contato com a água fervente. Pude escutar os gritos e pedidos de misericórdia da maldita, mas nem liguei.

Por que vingança é um prato que se come QUENTE mesmo.

Anúncios

7 thoughts on “A tampa do doce de mamão.

  1. masss poxaaaaaa
    eu também adoro azeitonaaa x3 mas aí: ou eu compro o sachêzinho ou aqueles potes que tem um lacre vermelho no buraco. O.o
    uhauhahauuha

    compotas fail.

    obrigada pelo comentário tão fofo no blog.
    você tem um ótimo senso de humor, haha. adoro isso.
    bj.

  2. Também AMO azeitonas! 😀
    Eu não conhecia esse ‘truque’ da água quente, vou tentar.
    Mas um que uso e dá certo é colocar a pontinha de uma faca na parte de baixo da tampa e tentar forçar uma abertura, porque a intenção é que entre ar e diminua a pressão, né, aí fica fácil de abrir. {aai, não sei se consegui explicar direito, mas enfim… rs.}

    huum… esse post me deu fome! :B

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s