O último gigapost do ano

Eu me debati. Sério, gente. Eu não pretendia mesmo fazer um post retrospectiva-2011 esse ano. Not at all. Por que 2011 me deixou um sentimento de trabalho mal-feito, sabe? De coisa inacabada, de planos que foram por água abaixo. Entretanto, cá estou eu. Por que certas tradições nunca morrem nem devem. Ter esperança num novo amanhã é uma delas. E, claro, a gente pode falar que essa esperança pode ser refeita a cada dia que nasce e essas coisas que as pessoas geralmente dizem para tirar a empolgação das outras MAS – e esse é um grande mas – não é bem assim que acontece, não é mesmo? Quando a gente briga com o namorado em um dia, no outro não decidimos, do nada, que nossa atitude não foi legal e que devemos mudar. Mudanças levam tempo por que, acima de tudo, precisamos de tempo para perceber que estamos errando e depois ONDE estamos errando. Por isso eu acho que o começo de um novo ano nos traz um gás maior. Mais esperança. Por que temos mais tempo para nos tornamos aquilo que queremos ser. E se não nos tornamos, já melhoramos na tentativa, certo?

Enfim, chega de enrolação e vamos à retrospectiva totalmente sincera da minha vida em 2011.

Relacionamentos

  • Meu relacionamento com a minha mãe continua na merda e o com meu pai tá indo junto, por que ele começa a achar que a minha mãe tem razão. Em contrapartida, o meu relacionamento com a minha irmã está cada vez mais profundo. Somos muito amigas e ela definitivamente está entre as pessoas que mais amo neste mundo.
  • Continuo meio ‘perdida’ na faculdade. Não sei bem dizer o porquê. Acho que sou meio fechada para amizades. E também sou um porre de chata. E não bebo. Acho que esses três fatores não contribuem em nada para a minha socialização. Anyway, ano que vem termino o curso – graças a Deus – e poderei me livrar desse sentimento incômodo de não pertencer a algum lugar.
  • Foi difícil manter contato com os amigos antigos. Em parte por preguiça minha, em parte por preguiça deles. A verdade é que eu  cansei, há um tempo atrás, de correr atrás das pessoas. Geralmente sempre sou eu, sabe? Conto nos dedos as vezes que alguém tem a ideia de me chamar pra algum lugar, só pra conversar e aproveitar minha companhia que – admito – não é essas coisas, mas também não é a coisa mais terrível do mundo. Assim sendo, como eu parei e ligar, cutucar e chamar, algumas amizades meio que foram para aquele limbo costumava-ser-amigo. Enfim, disso não me arrependo. É muito desgastante ter que ficar atrás das pessoas.
  • Conheci diversas pessoas lindas pela internet. Sim, sei que estou parecendo mais antissocial a cada palavra, mas o que posso fazer? Faço parte de um grupo lindo de amigas blogueiras que dão suporte umas às outras nos momentos mais tensos. E pude compartilhar com elas muito mais do que compartilhei com qualquer outro ‘amigo’ que não seja o meu namorado ou minha família. Just saying.
  • O meu namoro continuou firme e forte em 2011. Fizemos 5 anos agora em dezembro. Eu não posso pedir muito mais do que ele na minha vida. Sei que às vezes tudo o que eu faço é reclamar, mas isso é falha do ser humano, né? Weslley faz minha vida cada vez mais linda e eu sou muito grata a Deus por tê-lo colocado na minha vida.
  • Não sei se isso aqui deve ir no campo relacionamentos, mas a minha fé foi bem abalada esse ano. Não deixei de acreditar em Deus, claro. Mas, por um bom tempo, deixei de contar com ele. Eu não sei bem a razão. Talvez o fato da minha mãe começar a apontar ‘pecados’ em mim tenha contribuído violentamente para esse tipo de comportamento. Anyway, foi muito ruim, por que comecei a sentir um vazio muito grande dentro de mim. E voltei a procurá-lo. Ainda não estou 100% – minha mãe really don’t help – mas estou voltando. Deus é tudo, gente, e uma vida sem ele não é pra mim.
Trabalho/Carreira
  • Mudei de estágio. Saí de uma empresa de social media com a qual não me identificava mais – estava trabalhando pra caramba, mas sem entender bem o porquê daquilo –  e fui para a assessoria de uma escola de magistratura – escola para juízes, para quem viajou. Lá é ótimo, calmo, tenho uma chefe tranquila e as pessoas são gentis, no geral. Sofro pouca pressão e geralmente consigo fazer os meus trabalhos sem stress. Adoro trabalhar lá e estou aprendendo coisas de outra área pela qual me interesso bastante – design. Enfim, foi uma ótima troca. O único problema foi que fiquei sem férias ~~~ só ano que vem agora!
  • Desanimei com o jornalismo. Vocês já viram um post aqui sobre isso, então acho que isso dispensa maiores explicações. Estou trabalhando no próximo passo depois da faculdade – cursos aleatórios, uma graduação, uma pós

Dinheiro

  • Comecei o ano controlada e no meio dele me descontrolei de novo. Resultado é que acabo de dar de cara com uma fatura de nada mais, nada menos do que R$499. Sim, fiquei em pânico e agora estou indo cortar cada cartãozinho but o Hipercard. A ideia  é ficar com um cartão só para tudo. Mais simples, acredito. Enfim, foi muito frustrante ver todo o esforço que fiz para PARAR DE COMPRAR LOUCAMENTE ir por água abaixo. Mas é para isso que fresh starts servem, certo?
  • Não consegui juntar nada na poupança conjunta e nem na minha. E todos os bônus que eu ganhei esse ano foram gastos de forma totally impensada. Fuck.
  • Enchi um porquinho – quebrei e gastei todo o dinheiro.

Comportamento

  • Fiquei ainda mais ranzinza do que já era. Acho que é uma doença.
  • Desenvolvi ainda mais a preguiça enorme que tenho de me arrumar. ‘Largada’ está virando um estilo de vida.
  • Comi que nem uma glutona idiota e terminei o ano com 4 KG A MAIS do que eu tinha quando comecei 2011 – com a esperança de voltar aos 58kg. Alguém me explica que era pra PERDER 4, NÃO GANHAR 4!
  • Perdi muito tempo na internet e li muito pouco, apesar da quantidade cada vez maior de livros não-lidos na minha estante. Shame on me.

Melhores descobertas do ano

  • Na internet: Os blogs da Luana, Melina, Marianna, Vida Organizada, Zen Habits. O site Health Month.
  • Bebidas: Chá de hortelã, Chá de morango, Skinka Frutas Verdes, Skinka Frutas Vermelhas.
  • Comidas: O Royal Burguer – da Pin Up –  e o fondue – de La Maison.
  • Aplicativos: Scrabble e Words With Friends, no Facebook.
  • Livros: Organize-se, de Donna Smallin. Eu sou Alice, de Melanie Benjamin. It Girl 6, de Cecily Von Ziegesar.
  • Maquiagem:  O batom vermelho e o delineador da linha Extra Lasting, da Avon. O pó Dream Matte, da Maybelline.

Daí vocês percebem que 2011 foi um ano com mais baixos que altos – mas que pelo menos teve algum alto. So, essas são as minhas intenções para 2012.

things I want to keep this way
– eu e weslley
– meu interesse em culinária

things I want to keep with changes
– meu blog – preciso me decidir, de vez, sobre o caminho que ele vai trilhar [blog-diário ou literário]
– clube do livro [fazê-lo mais ativo]
– inglês [estudar mais a gramática e me dedicar mais ao curso]
– meu interesse por desenho [preciso praticar mais]
– meu interesse por craftwork [preciso praticar mais]
– meus amigos [focar nos verdadeiros e parar de correr feito uma idiota atrás de quem não quer minha amizade]
– meu apetite livresco [preciso dedicar mais tempo a ele]
– computador/internet [usá-la de forma útil e durante menos tempo]
– meu comportamento na faculdade [tudo bem eu estar cagando pro jornalismo, mas preciso ser uma boa aluna até o fim do curso]
– meu quarto

things I want to start
– minha monografia
– a arte da gentileza e da boa vontade
– poupar $$$$$
– bons hábitos alimentícios [beber água, comer frutas, fibras, peixe]
– uma atividade física qualquer que me mantenha funcionando [corrida/natação/yoga]
– sair um pouco da minha zona de conforto cultural e experimentar mais música/filmes/livros que eu não conheço
– journal [já tenho o caderno, falta a coragem]
– voltar a usar uma agenda

things I want to/ need to end up
– procrastinação
– preguiça
– fast-food
– falta de cuidado comigo mesma [preguiça de me cuidar, mesmo]
– mau-humor
– ansiedade e os gastos e quilos e doenças causados por ela
– bagunça e desorganização [no meu quarto, computador, vida]

É isso, gente. Você que se interessou em ler até aqui, obrigada pelo interesse na minha humilde e silly vidinha. Deixo aqui meus melhores votos para esse ano que está vindo. Que consigamos ser pessoas melhores para que esse ano seja melhor.

Anúncios

17 thoughts on “O último gigapost do ano

  1. Oi! Já vim aqui tantas vezes mas nunca comentei HUSDHSDU E agora que tô no clube vim comentar, aêê 😀 HUSDSDUHHSU Seu ano teve muitas resoluções boas. Acho que a gente nunca aceita como nosso ano termina né? O fato é que queremos sempre mais. Mas acho que as coisas que não conseguiu atingir em 2011 você conseguirá sem dúvidas em 2012, basta querer e você consegue! E eu percebo que é forte e determinada, com certeza alcançará tudo que quer neste novo ano! Boa sorte, feliz ano novo! Que Deus te ilumine em cada passo que der neste ano que se iniciará *-*

  2. Oi gmls!
    2011 foi brabinho né? Sinto que a gente até perdeu um pouco o contato, até pq a anta que vos fala teve (como sempre) sérios problemas em administrar o próprio tempo.
    Não fique triste pelas coisas que não deram tão certo quanto vc esperava ou que não saíram como o planejado! Não apareço muito por aqui, mas tenho o MV nos feeds e volta e meia leio: acho que vc desenvolveu uma rotina de organização muito interessante e conseguiu incorporá-la rápido, pelo que li por aqui. Talvez isso ainda não tenha rendido os frutos que você quer, mas com certeza eles vão aparecer 🙂
    Resolvi seguir o que fiz em 2010/2011: menos planos, mais ação. Até pensei em montar alguma coisa no blog que me ajude a realizar metas pequenas, mas não sei ainda como isso deve ficar.
    Que seu 2012 seja infinitamente melhor! To torcendo muito por vc e por um próximo ano muito muito feliz! E nós duas na versão slim no vestido de formatura! HAHAHA
    bjos :**

  3. Adoro seus posts, Mandy! Desejo que você tenha um ótimo 2012 com muita força pra alcançar tudo o que quer. Vou voltar com o meu blog, vou diminuir o tamanho dos posts pra ver se consigo retornar ao mundo blogueiro. E de 2012 não passa da gente se encontrar, viu?! Beijos 😀

  4. Amora linda da minha vida! É isso aí! Nós sempre esperamos que o próximo ano seja melhor, mas ele também espera que nós sejamos melhores, e que tudo junto seja melhor ainda! Desejo um 2012 cheio de altos para nós!
    Um beijo, sua linda! Amucê!

  5. Olá!!
    Poxa, há um tempo conheci seu blog e o add no meu BlogHall, daí sempre quando tem atualização eu venho ler. Putz, muito legal seus textos.

    O que eu acho muuuito interessante é as vezes me ler nas suas palavras. Incrível seu sentimento quanto a faculdade, eu senti o mesmo. Pensei que esse sentimento de “não-pertença” era só meu. Senti isso todos os 4 anos de faculdade, mas mesmo assim venci! rsrsrs Com monografia nota 10 na bancada e tudo mais. Então relaxa, que vai dar tudo certo.

    Passou o tempo que eu me empolgava para escrever um texto retrospectiva lá no blog. Não me empolgo mais acho por não ter o que falar, ou por ter vergonha do que dizer, não sei… But, anyway…

    Em 2012 quero vir mais aqui!!!!! Nem te conheço e já me identifico muito com vc. =D

    Ótimo 2012 pra vc, viu, moça? Aparece lá no ANOTHER THOUGHTS qualquer dia desses, a porta ta aberta: http://dreycka.blogspot.com Sinta-se em casa!!

    Um xêro!!!
    Aldrêycka

  6. Amanda, eu me identifico muito com vc na questão das amizades. Já fui de correr atrás, mas de uns anos pra cá eu fico na minha, sou quieta, se quiserem que me procurem, hunf!
    Também sou largada, o boyfriend reclama muito disso, quem sabe em 2012 eu consiga mudar. E quanto ao dinheiro, era pra juntar em 2011, o ano acabou e minha conta esta negativa, rs
    Sorte pra nós e comprometimento para alcançar as metas.
    Bjs

  7. Eu estou nessa frustração de não ter realizado as coisas que quis no ano passado.

    Eu fiz um curso na faculdade e na metade dele descobri que não era o que eu queria (resultado estudei 2 anos o que não estava com vontade de estudar e convivia com pessoas que não tinham muito a ver comigo).

    Eu não consigo encher meu cofrinho (que no caso é uma vaca) por nada! Uso todas as moedas sempre!

    Te desejo um ano bom e muito sucesso!

    Bjs!

  8. Voto no blog-misto, pode ser?
    Nao vivi teu 2011, mas acho que os “altos e baixos” sao relativos. No final, a gente sempre aprende uma coisa nova que nos torna pessoas melhores.
    E tenho que falar que você é muito protagonista de livro, sério. LoL

  9. Deixa o blog com tudo o que você gosta. Afinal, antes de tudo é um blog pessoal.
    Confesso a você que 2011 não foi fácil pra mim. A maioria do que aconteceu não foi bom e tem coisas que eu simplesmente não posso mais fazer. Eu tenho muitos problemas com a família também, mas só agora estou tentando verdadeiramente uma maior aproximação. Claro, cada caso é um caso, e espero que vc tenha sorte na empreitada. Feliz 2012!

  10. Mas se a gente não acreditar que ano que vem vai ser melhor então reveillon fica uma coisa muito chata. Continue com suas resoluçõs de ano novo. Não sei se você vai realizar tudo mas com certeza vc vai aprender muita coisa.
    Feliz 2012, mafiosa!

  11. Ah, retrospectivas sempre me matam! Tenho tanta má vontade que nem faço (só a literária, que fiz com gosto). E quanto as resoluções, tô pensando se transfiro minha listinha mental para uma palpável. Isso altera de alguma forma o desempenho??

    que 2012 seja melhor que 2011.
    (:

  12. Aff, kd o comentário que postei aqui da outra vez? 😦

    Gmls, também comecei 2011 querendo emagrecer e fui surpreendida com mais 3kg agora. Não estabeleci nenhuma meta – para evitar frustrações.
    Não comentei muito por aqui ano passado, mas acompanhei seus posts pelo lindo e milagroso Reader (aquilo é muito bom, junta tudo num lugar só e me dá mais tempo para procrastinar). Enfim, voltando: eu vi o progresso que vc fez com organização, e apesar de algumas coisas não terem saído como vc planejou, acho que vc tá no caminho certo pra colher os bons frutos disso tudo.
    Boa sorte com a monografia – também começarei a minha. Ainda não resolvi sobre o que será, mas falta um ano e meio de curso, vou só tentar antecipar isso para ficar mais tranquila no final 🙂
    E to torcendo por vc no final do ano formada e em versão slim no vestido de formatura hein 😉
    beijos :**

  13. Mandy, voltei amooor! haha
    Vou comentar esse post porque né, esse lance da faculdade e não interagir me fez largar a pedagogia. Amigos e não ir mais atrás, você bem sabe minhas peripécias no mundo das ~amizades-inimizades~ e seus efeitos colaterais na minha vidinha. Meu quarto até hoje sofre reformas. Em alguns momentos sinto que engordo, aí chego aos 45 kg, uma semana depois estou de volta aos 42 e nem sei o que fiz pra isso acontecer. Tenho me cuidado bem mais desde que terminei com o queridão e passei por tudo aquilo que você bem sabe, mas não termine com Weslley, cuide-se até pra ele, linda você já é! Comida incrível que eu descobri, se é que eu posso chamar de comida, é a piadina, já comeu? Se nunca, experimente! Também mudei de emprego há seis meses, e em julho estou de férias ~ gloria a Deus ~ e pretendo fazer alguma viagem! Ainda sobre amizade, fiz algumas que até então eram impossíveis, e são as que mais me tem ajudado. Gasto muito! E mês que vem definitivamente começo Design de Interiores na faculdade.
    Senti falta disso aqui, agora você já tem de volta a amigue de Sampa que fofoca com você e faz os posts revoltadinhos durante a semana!
    Beijoo Mandica!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s